Follow by Email

domingo, 6 de julho de 2008

TRANCA-RUAS



Oi que lindo luar,

Oh ! luar,

Oh ! luar,

Mas ele é dono da rua,

Oh ! luar,

Quem cometeu os seus pecados,

Peça perdão ao Tranca-Ruas !

E pelo sangue derramado,

Oh ! luar,

Em cima de uma catacumba,

Oh ! luar,

Quem cometeu os seus pecados,

Peça perdão ao Tranca-Ruas!

Mas ele é filho do sol,

E também é neto da lua,

Quem cometeu os seus pecados,

Peça perdão ao Tranca-Ruas!

Nenhum comentário: